26.9.10

de qualquer forma

não gosto das formas nem da paciência necessária para a admiração, mas o conteúdo é indispensável:

Livro de Leitura
O mais singular livro dos livros
É o Livro do Amor;
Li-o com toda a atenção:
Poucas folhas de alegrias,
De dores cadernos inteiros.
Apartamento faz uma seção.
Reencontro! um breve capítulo,
Fragmentário. Volumes de mágoas
Alongados de comentários,
Infinitos, sem medida.
Ó Nisami! — mas no fim
Achaste o justo caminho;
O insolúvel, quem o resolve?
Os amantes que tornam a encontrar-se.

Goethe


2 comentários:

gabs. disse...

pois eu te digo que sou muito chata; admiro uma boa escrita, mas detesto aquela arrumaçãozinha de poema...

livia soares disse...

Adorei a postagem.
Que bom que voltou...
Um abraço.

 

Blog Template by YummyLolly.com - RSS icons by ComingUpForAir